6.9.07

Uma pequena confissão

A criançada lá em casa adora comer banana amassada com farinha láctea e/ou mel. Quando acaba, eles ficam raspando o prato com o garfo, tentando pegar a massinha que se formou e grudou no fundo. Dia desses, namorido olhou e disse: "Fazia a mesma coisa quando era pequeno."

Adoro banana também. Como a combinação descrita acima é uma bomba calórica, ótima apenas para infantes e homens magros, prefiro maneiras menos engordativas de consumir a fruta além do modo natural.

Uma delas aprendi com minha mãe. Não é um prato bonito nem glamouroso, pelo contrário: é uma melequinha deliciosamente despretensiosa, daquelas que você aprende quando é criança e lhe acompanha para todo o sempre. Como o pratinho com mel e farinha láctea.

Escolho uma banana madura - quanto mais, melhor. Pico em rodelas e coloco em um potinho, aí polvilho canela em pó sobre a fruta e coloco no forno de microondas por 2 a 3 minutos. Fico de olho o tempo todo: a banana se dissolve e mistura com a canela, e nessa pode derramar do pote! Tiro com cuidado, porque está bem quente, e como com mais cuidado ainda para não pelar a língua. As únicas calorias são as da própria fruta, mas o suco que se solta deixa um docinho a mais.

Se você aprovou a melequinha, pode criar variações sobre o tema. Minha mãe às vezes faz num refratário e joga um pudim de caramelo em cima, então gela e serve como sobremesa. Gosto de colocar um pouco de granola e/ou nozes e castanhas. Já usei como acompanhante de sorvete de nata e, baby, ficou bom pacas.

Lá em casa há uma receita mais chique, com vinho, ao forno. Fica bem ok. Mas, bom, sabe cumé: nada bate gosto da infância, mesmo quando se trata de uma meleca tão feia que nem tenho coragem de bater foto... ;-D

4 comentários:

Ana Lucia Araujo disse...

Ahhhh eu tb faço isso! Mas não no microondas, na frigideira mesmo. Esquento bem a panela, coloco as bananas só cortadas ao meio e deixo em fogo baixo, esperando a mágica acontecer. Se a banana não soltar muita água pra essa caldinha deliciosa, espirro um pouco ou tampo para "guardar" o vapor. Depois, a canela... e raspa, raspa, raspa o que grudou no prato.

A simplicista... disse...

Ahá! rsrsrs
É verdade, na frigideira fica uma dilíshia também. Mas aí não dá para você comer direto da frigideira, aí são duas coisas para limpar... ;)

Sara disse...

Adoro sabor da banana com canela.
Até pão com banana é bom.Bjitos.Gostei do seu blog.

A simplicista... disse...

Oi, Sara! Seja bem-vinda!
Pão com banana é muito bom mesmo... Se juntar a mania da Ana Lucia acima com um pãozinho seu...
:)